TESTE DO MOTOR DO VLS SERÁ EM SETEMBRO
Publicado em: Brasília, 5 de agosto de 2008

O Instituto de Aeronáutica e Espaço (IAE/CTA) marcou para a segunda quinzena de setembro o teste em bancada do motor S43 do Veículo Lançador de Satélite (VLS). O teste, que deverá ocorrer na Usina Coronel Abner, em São José dos Campos (SP), estava previsto para o dia 6 de agosto, mas teve que ser adiado. Segundo o diretor do IAE, Cel. Pantoja, o motivo do adiamento foi uma não conformidade encontrada, durante uma inspeção de segurança, no sistema de proteção contra descargas atmosféricas (raios).

Esse sistema constitui um conjunto de pára-raios com malhas de cabo de aço e sistemas de aterramentos. Ele é importante para garantir a segurança no teste. De acordo com o IAE, a correção no sistema de segurança seguirá todas as normas técnicas pertinentes para garantir totalmente a segurança contra as descargas atmosféricas. O custo previsto para a obra é de R$ 80 mil.

Durante esse período de quase cinco anos após o acidente que vitimou 21 técnicos do Programa Espacial Brasileiro, o projeto do VLS foi totalmente reformulado. O motor S43 faz parte de um dos quatro motores do primeiro estágio do VLS. Ele mede cerca de 7 metros e carrega 7 toneladas de combustível sólido. O custo de motor está estimado em R$ 1 milhão.

Confirmado os resultados no ensaio, o primeiro lançamento tecnológico será realizado em 2010, com o VLS XVT 01, que terá apenas os dois primeiros estágios ativos.

Mais informações:
Assessoria de Comunicação da Agência Espacial Brasileira
Tel: (61) 3411-5049/5035