STAND DO AEB ESCOLA CHAMA ATENÇÃO NA 60º REUNIÃO ANUAL DA SBPC
Publicado em: Brasília, 5 de agosto de 2008

Mais de mil pessoas têm visitado diariamente o stand do AEB Escola na 60º Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC). O stand decorado com quadros explicativos sobre o programa, maquetes de foguetes e satélites promoveu, ontem, o primeiro mini-curso sobre “O Contexto Histórico da Corrida Espacial”.

Conduzido por José Guido Damiliano do Instituto de Aeronáutica e Espaço (IAE/CTA), o curso apresentou um breve histórico do desenvolvimento das atividades espaciais mundiais, enfatizando o contexto político que cercou as iniciativas das nações envolvidas na corrida espacial. Do encontro histórico entre Richard Nixon e Nikita Kruchov (1959), passando pelo surgimento dos Beatles até a emocionante órbita dos astronautas da ApolloVIII em torno da Lua, tudo foi novidade para o público composto de professores e estudantes, presentes no local.

“É muito interessante conhecer um tema e o contexto histórico em que ele está inserido. Fica mais fácil de aprender e entender porque muitas coisas são como são nos dias de hoje”, diz Priscila Maria, 16 anos.

Aluna do 2º ano colegial, da Escola Carlos Lancastre, em Campinas, Priscila ficou fascinada com tudo o que ouviu, mas a empolgação tomou conta na hora de participar da oficina prática “Construindo e Lançando Foguetes”. Junto com outros cinco colegas, a adolescente construiu um foguete com garrafa PET de dois litros, papelão e fita adesiva.

Dependendo das condições de lançamento, esses foguetes costumam atingir 50 metros de altitude.

Além do grupo de Priscila, outros seis grupos participaram do experimento. A equipe responsável pelo foguete que voasse mais alto, ganharia um brinde da Agência Espacial Brasileira contendo um boné, um chaveiro, um exemplar da revista do Menino Astronauta, uma bola, caneta e a lata para guardar tudo isso.

Mais de 200 pessoas estavam presentes no momento da competição. A equipe de Priscila venceu. O foguete construído por eles alcançou a altura de 125 m.
“Foi muito interessante participar de uma experência dessa. Nunca tinha feito nada parecido. Tudo que ouvi e vi aqui hoje fez com que meu interesse pela área espacial crescesse”, finalizou a estudante.

Hoje, 17 de julho, está sendo realizado o segundo mini-curso no stand do AEB escola sobre o tema “Satélites e seus subsistemas”. Após a aula teórica os interessados poderão participar da atividade prática “Como Girar um Satélite”.