PALESTRA SOBRE O PROGRAMA ESPACIAL BRASILEIRO NA SNCT
Publicado em: Brasília, 23 de outubro de 2009

O tema da última palestra oferecida pela Agência Espacial Brasileira (AEB), aos visitantes da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT), foi “O Programa Espacial Brasileiro”. O diretor de Satélites, Aplicações e Desenvolvimento da AEB, Thyrso Villela, ministrou a palestra, que aconteceu nesta sexta-feira (23), às 16h, no Espaço Café Científico, montado na SNCT.

“O que vocês acham que a área espacial tem a ver com a vida de vocês?”, indagou Villela, no início. Segundo ele, tecnologias ligadas às telecomunicações (internet, telefonia celular e televisão), todas essas atividades estão ligadas à área espacial. “Sem os satélites, essas comodidades da vida moderna não seriam possíveis”, observou.

Na questão estratégica, o diretor de Satélites falou sobre a importância do monitoramento do território, das fronteiras e da costa brasileira. O Programa Espacial é importante para o país, pois o satélite é a forma mais eficiente para se monitor. “O Brasil precisa da área espacial. Não é apenas uma aventura, nós precisamos dela.”, disse.

No entanto, ressaltou, é preciso investir muito em Ciência e Tecnologia para aumentar a frota de satélites. “Se compararmos com outros países, o Brasil possui apenas três satélites em operação, enquanto os Estados Unidos da América possuem 400, a Rússia 85 e a China 55”, comentou. Além disso, o diretor da AEB ressaltou ainda que apesar de termos apenas uma plataforma de lançamento, ela é a melhor base do mundo, devido à sua posição.

Semana Nacional de Ciência e Tecnologia
Data: 19 a 25 de outubro
Horário de visitação: 8h30 às 19h
Local: Esplanada dos Ministérios
Informações: http://semanact.mct.gov.br