500 MIL ALUNOS FAZEM PROVA DA OBA EM TODO O PAÍS
Publicado em: Brasília, 5 de agosto de 2008

Cerca de 500 mil alunos de todo o País realizaram nessa sexta-feira (9/05) a prova da Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (OBA) em todo País. O evento é organizado pela Agência Espacial Brasileira (AEB) e a Sociedade Astronômica Brasileira (SAB). Aproximadamente 16 mil instituições de ensino, públicas e privadas, aplicaram as provas nos turnos matutino e vespertino.

Segundo Caio Taniguchi, aluno do 9º ano do Colégio Militar, em Brasília, o nível da prova foi bom. “Acredito que os alunos bem preparados conseguem fazer as provas com facilidade”. Ele acredita que tenha errado apenas uma questão. “Fiquei em dúvida sobre um assunto, mas o restante eu acredito que tenha conseguido êxito”.

Caio já é um veterano, esta é a segunda participação dele. No ano passado o aluno do colégio militar ficou entre os melhores colocados na parte de Astronomia e participou da seletiva para a Olimpíada Internacional de Astronomia, mas dessa vez não conseguiu a vaga. “Mesmo sem conseguir participar da olimpíada internacional me considero um vencedor”.

A grande novidade desse ano na OBA foi a inclusão das provas em braille, que possibilitou que alunos com necessidades especiais participassem da olimpíada. Uma dessas alunos que fizeram a prova em braille foi Gislaine Reis Macedo, estudante do 9º ano da Escola Classe da 408 sul. “Para mim foi muito importante conseguir ter acesso a essa prova em braille e participar dessa olimpíada para testar meus conhecimentos”, diz.

Gislaine perdeu a visão há três anos e apreendeu a ler em braille há pouco mais de um ano. No ano passado a estudante participou da Olimpíada de Matemática e foi bem classificada.

Os resultados da prova serão divulgados as escolas em julho.

A OBA tem o objetivo de divulgar a Astronomia e as atividades espaciais a estudantes em todo País. A gerente do Programa AEB Escola, Ivette Rodrigues, uma das organizadoras do evento, explica que as questões das provas são elaboradas de forma a levar conteúdos informativos tanto a alunos como professores.

Premiação

Serão distribuídos certificados para todos os alunos e professores participantes, além de cerca de 20 mil medalhas aos estudantes melhores colocados nos quatro diferentes níveis.

Os 50 participantes da OBA com melhores resultados nas questões de Astronomia são convidados a participar de um concurso durante a Reunião Anual da Sociedade Astronômica Brasileira e ainda terão chances de participar da Olimpíada Internacional de Astronomia e da Olimpíada Internacional de Astrofísica e Astronomia.

Já os 50 alunos com melhor desempenho nas questões de Astronáutica participarão da IV Jornada Espacial, um curso avançado sobre ciências espaciais promovido pela AEB, o Comando-Geral de Tecnologia Aeroespacial (CTA) e o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe).